Comunidade digital: fortaleça sua marca e os resultados

Postado em 10 de abril de 2023 | por
na categoria Notícias
tags , , , ,
com 0 e 0

 

aprenda sobre comunidade virtualMarcar presença no digital é uma obrigação para toda marca que pretende ampliar seu alcance e conquistar um público fiel. Mas não basta criar um perfil em várias redes sociais, ter um site otimizado e ágil e disparar e-mail marketing para uma lista prévia de contatos. Você precisa definir estratégias para construir uma comunidade digital e alimentar as demandas desse grupo. Ou seja, você precisa fazer isso de forma planejada.

Então vamos agora te explicar em detalhes como funciona uma comunidade digital e a importância de investir em sua criação. Mas não para por aí. Nesse artigo você terá um conjunto de dicas valiosas para construir a comunidade digital de sua marca em 10 passos

O que é comunidade digital?

O conceito de comunidade digital está ligado à formação de grupos no universo online que compartilham de interesses comuns, com o objetivo de interagir, compartilhar ideias, trocar experiências e afins.

Não há nada de novo em relação à existência de comunidades. A novidade está no poder que as comunidades ganharam com o avanço tecnológico e o surgimento das redes sociais

A internet facilitou bastante o encontro e reunião dessas pessoas que possuem gostos, necessidades e assuntos comuns. Não apenas viabilizou o encontro dessas pessoas, como também forneceu as ferramentas ideais para que elas se mantenham unidas e em interação contínua. 

As comunidades digitais são fundamentais, inclusive, para a construção de seu capital social na internet!

Então, imagine aí uma comunidade digital forte em torno de sua marca. Já pensou o potencial que você tem para explorar?

Por que as pessoas se reúnem em comunidade

Além de partilhar de predileções comuns, as pessoas se unem em comunidades por diversos motivos. Primeiramente, pela sensação de inclusão social e pertencimento que a comunidade digital oferece. Dentro desses grupos, as pessoas costumam se sentir acolhidas, e suas opiniões são valorizadas.

Ademais, as comunidades permitem a construção de relacionamentos, viabilizam o networking, estimulam o aprendizado e se tornam um elemento de motivação e estímulo de interação

Por que investir na criação de uma comunidade digital?

Quando uma marca consegue construir uma comunidade digital robusta, portanto, ela ganha uma legião de pessoas conectadas e engajadas. E no universo digital, a comunidade realmente abraça a marca, interage com seu conteúdo, fornece opiniões gratuitas, divulga e até a defende de ataques, ajudando no gerenciamento de crises.

A comunidade virtual cria uma forte sensação de pertencimento, porque aproxima a marca de seus clientes, construindo uma relação quase que familiar. Ou seja, as pessoas se tornam porta-vozes da marca, clientes fiéis e que oferecem, inclusive, feedbacks valiosos. 

São muitos os benefícios das comunidades virtuais para uma marca, dentre os quais podemos citar:

  • Estreitamento da relação com o público;

  • Humanização dessa relação;

  • Aumento da interação e do engajamento;

  • Desenvolvimento de novas soluções ou o seu aperfeiçoamento, a partir do feedback do consumidor;

  • Divulgação espontânea de sua solução;

  • Formação de uma legião de defensores de sua marca;

  • Aumento do alcance orgânico;

  • Construção de uma relação de confiança;

  • Fortalecimento da marca, de seu posicionamento e autoridade.

Como construir uma comunidade forte em 10 passos 

Aqui te apresentaremos, portanto, um passo a passo para que você consiga construir uma comunidade digital que dê resultados efetivos a sua marca.

1. Estabeleça o objetivo, ou seja, o assunto que guiará as ações dessa comunidade;

2. Estude o seu público-alvo, para entender como ele se comunica, a fim de que você possa construir uma comunicação alinhada com ele;

3. Defina o ambiente digital que acolherá essa comunidade (fórum no seu site, perfil no instagram, grupo no Facebook etc);

4. Defina as regras e deixe-as claras;

5. Faça o gerenciamento, acompanhamento e monitoramento da comunidade;

6. Forneça conteúdo de valor nessas comunidades;

7. Crie ações específicas e ofereça benefícios exclusivos para os membros da comunidade. Por exemplo, descontos, brindes, lançamentos antecipados etc, a fim de incentivar mais pessoas a participarem delas;

8. Acompanhe os feedbacks, a fim de que você possa promover melhorias em sua solução.

9. Participe da comunidade, interaja com seus membros, dê retorno a suas demandas;

10. Mostre aos membros da sua comunidade digital que ela é importante para você.

Um exemplo para você entender melhor…

Para que você compreenda melhor a construção da comunidade digital, apresentaremos aqui uma proposta fictícia. Por exemplo, se você possui uma marca de cosméticos femininos e quer ingressar no mercado masculino, pode criar algumas estratégias de criação de comunidades digitais. 

Ou seja, você pode criar um perfil no Instagram linkando sua marca com a beleza masculina, ou criar um fórum em seu site com a temática beleza masculina. Além disso, você pode também criar um canal no youtube para tratar da beleza masculina e, ainda, um grupo no facebook. 

Conseguiu entender a lógica do processo? Sempre há pessoas interessadas em seu segmento de mercado, portanto, invista em ações, estratégias e ferramentas para reunir essas pessoas. 

>> E então, você já tem uma comunidade digital? Possui estratégias direcionadas para ela? Conte pra gente.

x