Marketing Digital em um só Lugar: Criação de Sites, Inbound Marketing, Redes Sociais, Google Adwords, Google Street View e muito mais.

Call to Action: o que é e como fazer

Postado em 31 de outubro de 2018 | por
na categoria Marketing
tags , , , ,
com 0 e 0

Vamos explicar esse recurso e te ensinar a como trabalha-lo para fortalecer o marketing digital da sua empresa.

Você provavelmente já ouviu o termo “Call to Action”. Nesse artigo, vamos explicar esse recurso e te ensinar a como trabalha-lo para fortalecer o marketing digital da sua empresa.

1. O que é Call to Action (CTA)

A tradução do termo já explica do que se trata: “Chamada para Ação”, que são instruções em forma de botões ou pop-ups nos sites ou e-mails Marketing, indicando aos usuários o próximo passo a ser executado na plataforma. O objetivo disso é conquistar conversões dentro do site, oferecendo serviços ou conteúdo em troca. Todo mundo ganha.

Sem uma CTA clara, o usuário pode não saber quais são os próximos passos para comprar um produto ou se inscrever em um boletim informativo, por exemplo, e provavelmente sairá do site sem realizar as tarefas necessárias.

A Chamada para Ação deve converter visitantes em Leads, sendo altamente funcionais para remover o atrito ao mover o usuário pelo funil de vendas. Pode haver mais de uma chamada para ação em uma única página, caso seja necessário na estratégia pré-estabelecida.

Vamos a alguns dos exemplos mais básicos. Em um blog, as CTAs podem aparecer assim:

– Leia mais artigos aqui;
– Assine nossa newsletter;
– Compartilhe nas suas redes sociais.

Já em uma página de E-Commerce as CTAs devem ser mais focadas nas vendas em si:

– Adicionar ao carrinho;
– Comprar;
– Adicionar à lista de desejos.

2. Como fazer CTAs

Botões, banners, pop-ups e links são bons formatos para ter sucesso nas conversões, desde que usados corretamente: em locais planejados estrategicamente, e conteúdo relevante o suficiente para fornecer conhecimento ao usuário.

As ferramentas podem estar localizadas nos finais das postagens, para que o usuário se cadastre no site em troca de acessar determinado conteúdo na íntegra. Outra opção é adicionar na área principal do Blog um pop-up para assinatura de Newsletter.

Uma das vantagens da Call to Action é a técnica FOMO (sigla de Fear of Missing Out), que pode ser traduzida como “Medo de Perder”, e tem grande valia se for bem aplicada. A metodologia é um gatilho motivador extremamente eficaz, por usar o emocional subconsciente das pessoas.

Quer um exemplo?

Muitas vezes, quando achamos que podemos perder uma boa oportunidade que talvez não aconteça de novo, tendemos a embarcar impulsivamente para não nos arrependermos depois, caso não aproveitemos a chance. Você se identifica?

Um dos melhores usos do FOMO na CTA é mencionar uma venda ou promoção que sua empresa está disponibilizando, mas que tem prazo para acabar. Você pode usar essa técnica assim: “Compre agora antes que acabe o estoque”; “Receba HOJE este E-Book gratuitamente”. Aposto que você já viu uma chamada como esta enquanto navegava em sites ou recebia E-Mails Marketing.

3. Exemplos

Ao fazer uma Chamada para Ação, é importante pensar bem em quais palavras usar, pois o usuário precisa ser atraído pelo conteúdo para que a conversão seja realizada.

Verbos imperativos são mais do que bem-vindos nessa estratégia. Veja abaixo alguns termos úteis:

– Continue lendo;
– Inscreva-se;
– Registre-se;
– Ligue;
– Deixe sua mensagem;
– Adicione ao carrinho;
– Compre;
– Experimente gratuitamente;
– Compartilhe;
– Segue;
– Baixe aqui;
– Clique aqui para.

CTAs atuais da Abrasivo Digital

Em nossa homepage oferecemos gratuitamente uma avaliação do marketing digital para a sua empresa.

Além do exemplo citado, temos a CTA que encaminha o usuário que acabou de ver os serviços prestados pela Abrasivo para um curto e simples formulário.

Percebeu como a localização foi escolhida de acordo com sua função? É disso que estamos falando.

4. A influência do design

O design usado em uma CTA tem muita influência nos resultados que serão alcançados. Já falamos dos verbos usados e sua importância, mas existem outros aspectos tão importantes quanto.

A imagem do seu Call to Action, precisa ser escolhida com cuidado e bom senso. Deve ser chamativa, mas não poluída, e referenciar o tema proposto. A tipografia deve ser equilibrada e contrastar com o plano de fundo. Escolha as cores estrategicamente para que a CTA seja rapidamente visualizada. O texto deve ser direto e curto, sem espaço para dúvidas.

O blog RD Station divulgou uma dica para identificar se a Call to Action está chamando atenção ou não: o teste dos 5 segundos.

Peça para alguém que não conhece o seu site olhar a página em questão por um breve momento, e logo em seguida minimize o navegador. Agora questione sobre o que foi visto e quais procedimentos devem ser tomados de imediato.

Se o indivíduo questionado não souber dizer qual é o próximo passo a ser tomado, o mais provável é que sua Call to Action não esteja funcionando como deveria. É hora de rever a estratégia de comunicação da sua marca.

5. Analisando os resultados

Existem muitas maneiras de mensurar os resultados obtidos nas Call to Actions. São eles:

– Taxa de cliques

A taxa de cliques representa a porcentagem de pessoas que visualizaram a chamada e clicaram nela. Você pode comparar esse valor com outras CTAs e com o desempenho histórico delas. Se houver uma taxa de cliques mais alta do que em suas outras Chamadas, você deverá analisar quais são as possíveis razões que levaram a este sucesso.

Por exemplo, você pode querer determinar se foi a imagem da CTA, sua localização, a oferta em si, ou uma combinação de todos esses fatores que ajudaram a contribuir para o sucesso da estratégia. A comparação do desempenho apresentado em diferentes páginas e com diferentes veiculações pode ajudar a determinar quais fatores estão levando a CTA a obter engajamento.

– Taxa de envio

A taxa de envio é a porcentagem de pessoas que clicaram na Chamada e enviaram um formulário. Mais uma vez, você pode analisar através da comparação com outras CTAs, usando seu histórico para tentar identificar o que levou ao seu sucesso.

A Call to Action é uma poderosa estratégia de marketing. Se for usada da maneira correta, pode ser o grande diferencial em distintos estágios do funil de vendas, podendo até mesmo tornar-se o fator decisivo para seu lead realizar a compra ou assinar o contrato e transformar-se em cliente.

x

Comments

Comments are closed.